terça-feira, 31 de março de 2015

História do Canto Paracambi Clássico.

SOBRE O PARACAMBI 

Existem alguns que preferem o canto do "Caboclo" que quase não difere do "Rompe Nuvem", mas possui um "Tié" e um "Tió" a mais no módulo de repetição. Outros cantos apreciados são dos curiós "Carijó" que é no estilo "São José", ou seja, o andamento de seu canto é demasiadamente lento. Outros curiós de canto Paracambi como: "Edson Arantes", "Calminha", "Quarentinha", "Prestígio", "Veleiro" (São José), "Astro", "Copelim", "Seresteiro" (São José), "Del Rei" e um de meus favoritos o "Coroado". Este último, segundo o presidente da COBRAP jamais existiu, pois seria obra de pirataria. Analisei o sonograma dele e comparei com a gravação do "Pilates" e os seus sonogramas são idênticos.

O curió BH canta o dialeto conhecido por alguns como "Paracambi mineiro", mas é um equívoco dos criadores que apreciam este canto, pois o correto é "Canto das Alterosas". Este dialeto foi padronizado em uma reunião realizada no ano de 2005, na SCBCBH em Belo Horizonte, onde o curió "Traçador" foi eleito como um dos modelos. Também existem gravações de curiós conhecidos com este dialeto como: "Laranjeiras", "Rio Negro", "Ouro Preto", "Ouro Negro", "Elo Perdido" etc.

Saudações,


Velton - Seropédica - RJ. 



A ORIGEM DO NOME ROMPE NUVEM

Bem! Fiz questão de colocar esse título como "A origem do NOME Rompe Nuvem" e não, "A origem do Canto Rompe Nuvem", porque esse canto não existe, como os amigos podem constatarem abaixo o nome do disco é "O canto Paracambi do curió" e não o "Canto Rompe Nuvem do curió", como podem ver na segunda foto que é o lado detrás do vinil está escrito: Canto Paracambi do CURIÓ Rompe Nuvem, que pertencia ao Sr. Noir Martins, que por ser amigo do ex-jogador de futebol Roberto Rivelino, colocou a foto dele na capa do vinil segurando a gaiola do Rompe Nuvem.OBS: Então amigos, se você é um admirador deste belo canto, por favor, preserve a originalidade do mesmo, não troque o nome deste canto. Obrigado!!!










Nenhum comentário:

Postar um comentário